água branca

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo apresentará neste sábado, 1/6, das 10 às 16h, durante a comemoração pelos 90 anos do Parque Dr. Fernando Costa, mais conhecido como Parque da Água Branca, as tecnologias desenvolvidas pelo Instituto de Pesca (IP) para melhorar a qualidade da produção paulista. No estande do Instituto, estarão expostos totens com imagens de diversas espécies aquícolas.

Os visitantes receberão um ingresso, válido para toda a família, para conhecer gratuitamente o Aquário do Instituto de Pesca. Em 30 aquários distribuídos no prédio histórico da instituição, construído na década de 1930, os visitantes podem conhecer um pouco mais sobre espécies de peixes de alto valor econômico para a aquicultura e a pesca continental, como o matrinxã, o pacu e a tilápia.

Outra atração disponível aos visitantes é o projeto “Petrechos de Pesca Perdidos no Mar”, trabalho realizado pelo Instituto em parceria com a Fundação para a Conservação e a Produção Florestal, ligada à Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, que utiliza metodologias de estudo e de recolhimento de petrechos de pesca abandonados, perdidos ou descartados (PP-APD) no mar. O material provoca graves impactos no ambiente marinho. 

A comemoração pelos 90 anos do Parque Dr. Fernando Costa também trará ações de vacinação, conscientização sobre a dengue, apresentações da cavalaria, canil e coral da Polícia Militar, oficinas e plantio, capoeira, brinquedos, baile da terceira idade, entre outras atrações gratuitas.  

Serviço:
Exposição do Instituto de Pesca nos 90 anos do Parque Dr. Fernando Costa 
Data: 1/6/2019 (das 10h às 16h)
Local: Avenida Francisco Matarazzo, 455 - Parque da Água Branca (próximo ao metrô Palmeiras-Barra Funda)